Demo

Câncer de Laringe

O câncer de laringe é um dos mais comuns a atingir a região da cabeça e pescoço. Representa cerca de ¼ dos tumores desta região, e cerca de 4% de todos os cânceres. A maior parte destes tumores se origina nas pregas vocais, que são os responsáveis pela produção da voz.

Sintomas mais comuns

Justamente por ser mais frequente na região das pregas (cordas) vocais , o sintoma inicial deste tipo de neoplasia é a rouquidão (disfonia), também podendo se apresentar como dificuldade em se alimentar, ou por nódulo doloroso no pescoço. Estes sintomas podem surgir isolados ou em conjunto.

Caso perceba rouquidão por mais de 3 semanas, sensação de caroço na garganta , nódulo no pescoço ou dificuldade em engolir, procure atendimento com um cirurgião de cabeça e pescoço.

Causas do Câncer de Laringe

O cigarro é o maior causador do câncer da laringe, contendo inúmeras substâncias carcinogênicas , que quando inaladas, alteram as células da região , e com o tempo se transformam em tumores malignos. O uso de bebidas alcóolicas associado ao cigarro, aumenta em muito o risco de câncer de laringe. A pessoa que bebe e fuma pode apresentar risco aumentado para este tipo de neoplasia de até 30 vezes.

Tratamento

O tratamento do câncer de laringe pode ser por meio da cirurgia, da radioterapia ou quimioterapia, ou por uma combinação de ambas modalidades de tratamento.

Os tumores em estágio inicial, têm maior probabilidade de cura.

A decisão do tipo de tratamento depende de uma série de fatores, tanto do tumor , como do paciente.

O paciente com este tipo de tumor será avaliado por uma série de profissionais , como o cirurgião, o radioterapeuta, o oncologista clínico, o enfermeiro, nutricionista, fonoaudiólogo, fisioterapeuta, psicólogo, como o objetivo de melhor preparar, tratar e reabilitar.

Quanto mais cedo perceber os sintomas e procurar um especialista, maiores são as chances de cura.

Dr. Rafael de Cicco
Médico Cirurgião de Cabeça e Pescoço
CRM 112733

 

REDES SOCIAIS

fb    yt